LCMS-8045
Cromatógrafo Líquido-Espectrômetro de Massas


Alta Sensibilidade e Robustez

Uma fonte de íons Robusta e o Sistema de Introdução de Amostra

A interface de MS da Shimadzu inclui uma fonte de ESI de alta sensibilidade, o sistema de introdução de amostras em um capilar aquecido e uma tecnologia aprimorada de ótica de íons. Essas características de design se combinam para produzir um desempenho de MS robusto. Doze mil amostras de plasma foram injetadas no sistema ao longo de 25 dias (mais de 480 amostras por dia). O nível de Alprazolam foi analisado com um RSD de 3.42%.

 

Limites de Detecção do Instrumento

O limite de detecção do instrumento (IDL em inglês) é um parâmetro adotado para verificar a sensibilidade em instrumentação analítica. Os cromatogramas abaixo mostram o IDL para Reserpina e Cloranfenicol, obtidos utilizando ESI+ e ESI-, respectivamente. No modelo LCMS-8045 o IDL para Reserpina foi de 2.03 fentogramas e 2.09 fentogramas para Cloranfenicol.

 

Novo design da unidade de ionização

A ausência de cabos ou tubos permite a troca rápida entre as diferentes unidades de ionização. É necessário apenas que se destrave a alavanca para a remoção da unidade, além disso, não são necessárias ferramentas para retirar as agulhas instaladas no modo APCI e DUIS, o que permite uma fácil manutenção.

 

Sistema de manutenção simples com redução do tempo de desligamento

Assim como os demais sistemas triplo quadrupolo da Shimadzu, a manutenção do LCMS-8045 é bastante simples. Substituir a linha dessolvatação (DL) e o capilar ESI é rápido e fácil. Além disso, o projeto exclusivo permite a troca do DL sem a quebra do vácuo, proporcionando menor tempo de parada para manutenção.

 

Etapas para a troca da linha de dessolvatação

 

 

Etapas para a troca do capilar ESI